Início Autores Posts por Alexandre Fonseca

Alexandre Fonseca

Alexandre Fonseca
23 POSTS 3 COMENTÁRIOS
Administrador Financeiro, 43 anos, Recifense e Torcedor do Sport Club do Recife.

[Opinião] “A responsabilidade do torcedor do Sport dobrou em 2018”

0

Ampliar a participação da torcida também é responsabilidade do marketing do clube. (Foto: Williams Aguiar/Sport)

 

A responsabilidade do torcedor do Sport dobrou em 2018

 

Faltam 22 dias (contando com hoje) para o início do campeonato brasileiro de 2018. Desta vez, não teremos um elenco confiável, pelo menos até agora, para disputar o primeiro terço da competição (doze primeiras rodadas), onde o Leão costuma pontuar bem e alguns favoritos ao título estarão jogando a Copa Libertadores.

A entrada de uma nova diretoria de futebol, capitaneada por Guilherme Beltrão, foi bem-vinda, apesar de um pouco atrasada. Porém, mesmo que venham os tais 10 jogadores que são especulados como reforços, provavelmente, não teremos um time entrosado, com padrão de jogo e com alternativas táticas.

…E o que nós torcedores podemos fazer para ajudar? Precisaremos de 25 mil Leões em cada um dos 19 jogos que serão disputados no Recife. Ou seja: uma média de público de time campeão e de torcida empolgada com o caminho até aqui, não? Sei que é ingênuo e até utópico acreditar nisso (ao contrário do dito acima, o Sport não tem dado razões para o torcedor sair de casa), mas é a única coisa que a torcida pode fazer para ajudar de verdade o clube. Para isso, o Sport deveria fazer uma política agressiva de ingressos.

Por falar nisso, é difícil acreditar nessa alternativa de ingressos mais baratos. A situação financeira do clube não ajuda. “Pelo andar da carruagem”, é se acostumar com o prejuízo. Entretanto, prejuízo por prejuízo, o maior é cair de divisão, não?  Se “com dinheiro” a coisa no marketing rubro-negro já não era essa coisas, imagina agora, sem “din din” para bancar? Por sinal, a esperança fica por conta do Sid Vasconcelos, o Mago do Marketing do Sport nos últimos anos.

Voltando ao assunto futebol, essa temporada será a mais importante deste século para o Leãoi. A mudança de patamar financeiro dependerá deste campeonato e todos precisam fazer a sua parte. Lembrando que falo, também, da torcida. Precisamos acreditar no trabalho de recuperação que será pela diretoria de futebol e teremos que apoiar cada atleta que vista o manto do Leão em cada um dos 38 jogos.

Faltam apenas 22 dias: parem suas vidas, mas não deixem de ir à Ilha do Retiro!

[Humor] Carnaval 2018: aposto que o Grêmio não leva “o nosso balada”

0

(Foto: Williams Aguiar)

O Grêmio está atrás do nosso principal atacante. Aliás, nosso melhor jogador: André Balada! Justo o homem que nos salvou do rebaixamento no ano passado. A proposta vinda lá do sul é fraca e não mete medo. Eu só fico receoso que essa proposta desperte no nosso craque a vontade de ir embora, já que o futebol lá na Ilha vai de mal a pior.

Pensando bem, não há mesmo motivo para maiores preocupações, já que o carnaval está chegando e algumas prévias importantes ainda irão acontecer (principalmente nesse domingo, ali “nas olânda”.. se é que vocês me entendem!!) e não vai ser qualquer trocado que vai fazer nosso craque sair daqui e logo nessa época do ano (!!).

Portanto torcedor leonino, NÃO reclamem dos vídeos que TALVEZ circulem nas redes sociais. Deixem o menino em paz! Agora, mais do que nunca, precisamos que ele se sinta em casa.
#DomingãoChegouLogo

#QueBomQueoJogoFoiSábado

 

[Humor] Se abracem e não esqueçam das selfies

0

(Foto: Sport Club do Recife)

 

Já que não estamos jogando a Copa do Nordeste e não jogaremos a SULA deste ano, fiquei preocupado em como manter as minhas amizades com a galera das Sociais da Ilha, afinal, todo mundo tem aquele amigo que você só encontra em dias de jogos e provavelmente nem sabe ou se lembra do nome dele.

Num melhor cenário possível, finalista do Pernambucano e da Copa do Brasil (sonho), o Leão jogará 34 partidas na Ilha. No pior cenário possível, serão 24 jogos na Ilha (e dois deles já foram realizados!).

Por isso, aproveitem bem as partidas na Ilha do Retiro, revejam seus amigos, se abracem e tirem diversas selfies, pois esses encontros serão mais raros neste ano… e olhe lá, se não transferirem alguns jogos para a Arena de Pernambuco!

Jogos na Ilha em 2018

Taça Ariano Suassuna – 1 jogo

Pernambucano – de 5 a 8 jogos

Copa do Brasil – de 0 a 7 jogos*

Série A – 18 jogos

(*) Primeiro confronto da Copa do Brasil será fora de casa e em jogo único.

Se arrependimento matasse…

0

(Foto: Williams Aguiar/Sport)

 

 

Essa imagem fala por si só: mostra um Rithely extremamente arrependido de não ter largado o futebol. Deve estar pensando: “R$ 225 mil por mês é besteira, o que vale é o meu sossego! Eu poderia ter ido à praia hoje pela manhã e a tarde eu dava uma passadinha na Agência do Trabalhador e decidia a minha vida… mas estou aqui nesse CT, cheio de gente chata… Que saco!!”

A vida é assim mesmo: cada um com os seus “problemas”!!

Só Rindo…

0

(Foto: Williams Aguiar/Sport)

 

Quer dizer que Rithely está tão chateado e insatisfeito com o Sport que chegou a pensar em largar o futebol? Quer dizer que Rithely iria largar o salário dele, que está provavelmente bem acima do patamar dos cem mil reais, para ficar desempregado?

…E depois? Iria se matricular num curso profissionalizante ou tentar um curso de graduação? Ainda não parei de rir desde que li “essa informação” divulgada pelo empresário do atleta na redes sociais.

Eu não sei o que é pior: dar espaço na mídia para empresário de atleta (assim) ou levar a sério uma baboseira dessas. Ainda prefiro me divertir com as peruas ABsurdas lá da Ilha.

Feliz 2018!

Alexandre Fonseca: “Coitado de Nelsinho”

2

 

Nosso grande ídolo voltou! Um técnico-ídolo, coisa rara na história do Leão. Acho que não precisamos lembrar que Nelsinho transformou um time valente, brigador e compromissado no campeão da Copa do Brasil de 2008.

(Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

Ele só não chegou mais longe na Libertadores de 2009 por um simples motivo: não recebeu reforços na altura do “momento Liberta” naquela época. Depois de quase dez anos, nosso técnico campeão volta à Ilha e vai encontrar um cenário desanimador pela frente: panelinhas dentro do elenco, “diretores” amadores, possíveis problemas de caixa (a bomba está prestes a estourar) e um primeiro semestre enfadonho com a disputa do fraquíssimo estadual e das fases iniciais da Copa do Brasil.

O torcedor mais atento já sabe que o clube virou refém dos jogadores fez um tempo. Tudo isso capitaneado por Diego Souza e sua trupe. Alias, DS87, para mim, deixou de ser ídolo após o imbróglio com o Palmeiras, no primeiro semestre desse ano. Para piorar, a maior parte da torcida do Sport sofre da Síndrome de Estocolmo. Ou seja: é apaixonada pelos seus “sequestradores” e sonham com a possibilidade de Nelsinho controlar e motivar esse elenco paneleiro.

Resumindo, só há dois cenários possíveis para 2018:

a) Nelsinho arruma a casa, DS87 e sua trupe vão embora e o Sport terá a possibilidade de concorrer para uma vaga em Libertadores.

b) Nelsinho cairá na quinta rodada do returno do Brasileirão.

Em tempo: ainda há a possibilidade do Sport se classificar para a SULA 2018, não por méritos próprios, e dependendo “daquele” time do RJ. Vocês querem mesmo essa esmola?

Coitado de Nelsinho.

Opinião: “Os ‘astros’ estão se alinhando para ajudar o Leão”

1

Até o jogo contra o Bahia, no último domingo, o Sport já era dado como rebaixado para a série B por boa parte da torcida e também da imprensa. Afinal, não dava para acreditar que aquele time que perdeu, vergonhosamente, para o Atlético-GO teria forças para lutar contra o rebaixamento.

Os “astros” estão se alinhando…(Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

Pois bem, o Leão venceu os baianos e contaram com a sorte no fechamento da rodada. O Vitória empatou e a Ponte Preta perdeu. Essa luta contra o rebaixamento será imprevisível até o final: o Avaí também entrou na parada e o Coritiba, que perdeu, ainda corre um certo risco. Assim, no próximo sábado, o Sport fará o “jogo da vida” para salvar as temporadas 2017 e 2018.

Uma vitória contra o Fluminense praticamente deixará o Sport numa situação mais tranquila para decidir a permanência, na Ilha, contra o Corinthians “reserva” (que venha aquele que não se “esforçou” contra o Flamengo), já que qualquer resultado no jogo Ponte Preta x Vitória será bom para o Leão (é claro que o empate será o melhor cenário).

Resumindo: O Sport praticamente depende apenas de si próprio para fugir do rebaixamento. Ou seja: os astros estão se alinhando para ajudar o Leão. E não falo de planetas e satélites não, falo de DS, André, Magrão e outros “astros” que se alinharam na hora decisiva. Podem esperar!

Obs: Já mandaram polir o Camaro para a comemoração e estão preparando a “rebordosa” nas Redes Sociais assim que o Leão escapar do rebaixamento. Tudo conforme o “planejado”. Aguardem!

Opinião: “Magrão tem (muito) crédito”

0

Magrão recebeu uma bela homenagem, de parte da torcida do Sport, com um belo bandeirão na entrada do time em campo. Mas, por ironia do destino, nosso paredão cometeu um erro clamoroso: coisa rara de se ver e que deu contraste com a homenagem recebida.

Não vou falar do óbvio, nosso ídolo falhou feio no primeiro gol e poderia ter feito o simples: ter dado um chutão na bola para fora. Entretanto, cobrar qualquer coisa que seja de Magrão é pura heresia!

É bom lembrar que só avançamos na copa do Brasil e na Sula por causa das suas atuações, acima da média. E se não fosse pelo seu desempenho, provavelmente estaríamos no Z-4 há muito mais tempo.

Magrão têm crédito inesgotável e está acima do bem e do mal SIM! É um dos poucos jogadores comprometidos do elenco, que sofre nas derrotas, respeita o clube, a torcida e ainda é o nosso melhor jogador.

Não sejam hereges!

Humor: saiu o calendário 2018 do futebol do Leão!

0

 

O planejamento é a base de tudo. É o que os empresários de sucesso não cansam de dizer. Trazendo para a Ilha, será que é por isso que os fatos se repetem em território rubro-negro?

Uma coisa é certa: tudo se repete no calendário anual do Sport. O nome disso? Repito: PLANEJAMENTO. E acontece faz tempo… Baseados nisso, vamos conferir o que deve acontecer no planejamento* de 2018 na Ilha do Retiro:

Janeiro – Eliminação nas oitavas da taça São Paulo de futebol Júnior. Taça Ariano Suassuna (uma coisa é certa, o Sport vai disputar a final) e a disputa da Flórida Cup SEM a presença do Sport (oxente?!). Mercado aquecido para contratações e dificuldade de encontrar empresários e atletas espalhados pelo mundo;

Fevereiro – começam a pré-libertadores e a segunda fase da Copa do Nordeste SEM a presença do Sport (como assim?). Mercado aquecido para contratações e dificuldade de encontrar empresários e atletas espalhados pelo mundo, mas ainda assim, o clube contrata dois volantes de contenção;

Março – queda de Daniel Paulista e chegada de técnico midiático (em tempo: essa queda pode acontecer ainda em fevereiro). Mercado morno para contratações. O problema é que os empresários fazem leilões com os clubes, mas ainda assim, o clube contrata dois volantes, desta vez, volantes modernos;

Abril – SULA sem o Sport (não acredito!). Mercado continua morno para contratações. O problema é que os empresários continuam fazendo leilões com os clubes e os que sobram não querem vir para o NE.
Final do PE, jogo mais importante do ano (sem roubos, por favor!) Em tempo: com o calendário menor, vou corrigir que o galeto será disputado bem antes disso…

Julho – top-6 do Brasileirão, Ufa! Apesar dos problemas, o Sport diz que fechou o grupo. Apesar do excesso em algumas posições (e em outras não) será um ano de sucesso. O clube contrata três volantes: um segundo volante, um primeiro volante e um volante reserva (whats?!);

Setembro – top-14 do Brasileirão;

Outubro – top-16 do Brasileirão;

Novembro – queda do técnico midiático, disputa para não cair de série e volta de Daniel Paulista. Faltam meias ofensivos ao clube (ué?!);

Dezembro – Gravata e terno novos para impressionar os “nutellas” no debate, e missa de agradecimento pela permanência na série A (que Deus nos escute. Ou melhor, que leia essa programação).

* Essa programação é válida apenas se o Sport permanecer na série A ao final de 2017.  Caindo (Deus me nos livre, parte II) a programação será outra. Com certeza, sem o menor glamour.

(Uni-Leão / Analista 1ª Divisão – 2017): “Uma pergunta de concurso para a torcida do Sport”

1

 

(Uni-Leão / Analista 1ª Divisão – 2017) – Qual fator abaixo é o mais prejudicial ao Sport Club do Recife?

A – Jogador desmotivado, que não se esforça em buscar títulos para o seu currículo. Que participa de panelinhas para derrubar treinador (caso tentem lhe tirar da sua zona de conforto).

B – Treinador com ego inflado e que posa de guru máximo do futebol mundial e insistindo em jogadores em péssima fase com perda de controle (se é que já teve) sobre o elenco de jogadores.

C – Engravatados neófitos no futebol, que deslumbrados com o cargo, chegam a fazer amizades com jogadores (mimando-os em excesso) e depois ficam sem a mínima moral para cobrá-los por desempenho.

D – O torcedor ultra “otimista-megalomaníaco” carente de títulos  e que passa os dias a comemorar rankings de vendas de camisa e que acha que o clube possui padrão europeu de patrimônio e gestão. O torcedor que não costuma assistir aos jogos nem quando vai ao campo, já que passam mais tempo tirando fotos e postando-as nas redes sociais do que ver a bola rolar. Lembrando que boa parte desses torcedores não se associa ao clube e os que são sócios não comparecem no dia da eleição.

E – A imprensa (que critica o clube insistentemente) nos poucos momentos bons do time na temporada e que sempre cria um clima de instabilidade para detonar as mais fantasiosas e absurdas especulações sobre contratações. Tudo isso para preencher quatro horas diárias de “informações” nas suas resenhas.

 

Gabarito

Se você escolheu todas as opções acima, parabéns. Aguente um pouco mais o sofrimento. Ao final, todos sobreviverão (assim espero!).

 Se você acha que nenhuma opção está correta, limpe o creme de avelã das mãos e corra para o espelho tirar uma foto do novo padrão do Leão e postar nas redes sociais.

O texto reflete apenas humor e/ou opinião exclusiva do colunista.  

Humor: É Campeão! É Campeão!

3

 

Grande DS87! Parabéns por mais um título. Campeão de um torneio de Futevôlei, no final de semana passado, em uma praia do litoral Sul de Pernambuco. É o velho ditado: “Craque é craque, o resto é pura inveja!”

Títulos de DS87 em Pernambuco:

Taça Ariano Suassuna 2017

Campeonato Pernambucano 2017

Torneio de Futevôlei de Muro Alto 2017

Obs: Será que vão chamar o profexô para comemorar esse título?

Opinião: “Já fomos longe demais!”

7

 

Acredite se quiser! Estamos no lucro nessa temporada 2017. Muito se fala do “sucesso” do time da temporada 2015. Se compararmos com o time desse ano, o de 2015 perde feio. Afinal, fomos campeões pernambucanos, vices da copa do Nordeste e chegamos mais uma vez nas oitavas da Sulamericana. Já o “timaço” de 2015 nada conquistou de fato: e contra fatos, não há argumento, diria o filósofo.

Sarcasmos à parte, acho que essa megalomania (tão tradicional na cultura pernambucana) de dizer que o Sport não cabe mais em Pernambuco e que os nossos verdadeiros rivais são Flamengo, Corinthians, Grêmio, dentre outros de igual calibre, não passam de um engodo sem precedentes na história do clube. Teriam sido apenas bravatas eleitoreiras ou grande parte da torcida, sócios e conselheiros (inclusive!) pensam assim mesmo?

Não se surpreendam se formos desclassificados pela Ponte Preta na Sul-Americana já que a vantagem conquistada não é nada confortável para um time preguiçoso, apático e acomodado e fruto de um elenco rachado que quer, novamente, derrubar um técnico do clube.

Por fim, só nos resta mesmo é lutar contra o rebaixamento e torcer para não passarmos mais vexames nessa temporada.

Acredite, estamos no lucro… “Já fomos” longe demais!!

Últimas