Início Autores Posts por Eu Pratico Sport

Eu Pratico Sport

Eu Pratico Sport
791 POSTS 38 COMENTÁRIOS

[Eu Pratico Sport TV] Escute o Debate Bola deste sábado

0

O Debate Bola é um programa apresentado na Rádio Vicência FM, ao meio dia, pelo Moisés Silva, todos os sábados, e tem os comentários de Alessandro Matias e Anderson Batista.

Aproveite e se inscreva no nosso canal e acione o sininho para ser avisado da postagem de novos conteúdos e links ao vivo clicando aqui.

 

 

Vasco da Gama cheio de problemas para enfrentar o Sport

0

image

(Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

 

Por Anderson Batista*

 

Passando por uma troca de técnicos, o Vasco da Gama busca o caminho das vitórias no Brasileiro. Amanhã, o Cruzmaltino encara o Sport, tentando engatar uma sequência de bons jogos. Vindo de um bom resultado fora de casa, a expectativa é que, em São Januário, o time carioca retome o caminho positivo na competição.

Para o jogo, os vascaínos terão um velho conhecido no banco de reservas. Com o desligamento de Zé Ricardo, Jorginho terá a missão de ordenar o Vasco no campeonato brasileiro. Isso, após três anos de sua primeira passagem. O treinador foi apresentado agora na tarde desta sexta-feira e tem planos audaciosos no comando do clube: chegar bem na Copa Sul-Americana e no Brasileirão. Longe do novo comandante lutar apenas contra o rebaixamento.

Problemas

O Vasco tem problemas para montar a equipe de amanhã: Martín Silva (servindo ao Uruguai), Rafael Galhardo (entorse no tornozelo), Werley (fratura no braço), Breno (dores no joelho), Thiago Galhardo, Kelvin e Bruno Silva (lesão na coxa) e Rido (cirurgia no ombro). Baixas não faltam e Jorginho não deve promover mudanças em relação ao time que empatou contra o Cruzeiro, no Mineirão.

O provável Vasco da Gama deve ter: Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Paulão, Ricardo e Henrique; Desábato, Andrey, Bruno Cosendey e Yago Pikachu; Wagner e Andrés Rios. Vasco da Gama e Sport se enfrentam em São Januário, às 19h. Sávio Pereira Sampaio (CBF-DF) apita o jogo, com o auxílio de Daniel Henrique da Silva Andrade (CBF-DF) e Ciro Chaban Junqueira (CBF-DF).

Anderson Batista é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

[Opinião] Em excelente fase, seria o começo de outro objetivo rubro-negro?

0

Por Anderson Batista*

Os números falam por si só na competição. Vice-líder do campeonato brasileiro não poderia ficar em outro posto a não ser na liderança isolada do “seu campeonato”. Por causa dos novos e bons fatos, perguntas surgem: o certame do Sport começa a ser findado ou não? Até onde o Sport Club do Recife chegará, mesmo com suas limitações? Libertadores? Sul-Americana?

Faltam 28 partidas do Brasileirão e caso o Sport some 1 ponto por jogo, na teoria, a equipe pernambucana se manterá na elite do futebol brasileiro. Embora exista os problemas com peças de reposição, conquistar um mísero ponto por jogo até o término da temporada seria desconsiderar o clima favorável, o consistente trabalho de Claudinei Oliveira e de seus comandados.

Uma considerável parcela dos torcedores sabem que a luta do Leão ainda é pela permanência. Assim como existem a fatia de apaixonados e com grande razão de acreditar na manutenção do desempenho ou chegando chegando próximo ao retratado. A cautela é sempre bem-vinda. Entretanto, hoje não dá para falar de Z-4. Nem de longe.

Amanhã, o Leão encara o Vasco da Gama, fora de casa. Podemos até voltar a falar de “campeonato leonino”, na segunda-feira. Contudo, inserir o rubro-negro pernambucano em um texto cheio de números e possibilidades de outras frentes não teria coerência. Hoje, o Sport depende da permanência da sintonia: diretoria de futebol, jogadores, comissão técnica e torcedores: juntos, poderão alçar voos surpreendentes no Brasileirão.

Anderson Batista é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport.

Sport busca lateral-esquerdo “mais em conta” para sequência da Série A

0

Por Mateus Schuler*

Desde a saída de Renê, negociado junto ao Flamengo após a Série A de 2015, o Sport vive altos e baixos na lateral-esquerda. Já passaram jogadores como o chileno Mena, hoje no Bahia, tal qual o jovem Evandro, da base, ainda no elenco.

Com contrato até junho de 2020, Sander é um dos pilares no atual elenco (Foto: Williams Aguiar/Sport)

Quem manteve maior regularidade no setor foi Sander, atual dono da posição. Ainda que o atleta criado no clube seja seu reserva de imediato, o técnico Claudinei Oliveira optou por improvisar Raul Prata, dizendo também que procura reforço na Série B.

“A gente está no mercado atrás de lateral-esquerdo, que é uma posição difícil e quem está bem não sai. Na Série B, o titular não sai e um reserva da Série B às vezes não te atende. Estamos começando a olhar para o mercado com jogadores para fazer projeção que estão tendo um rendimento bom e não têm experiência de Série A ainda”, declarou Claudinei, que cita a importância de valores investidos.

Ideal seria ter experiência de Série A, mas esse é caro e está jogando. Se o Sport não pode errar, vamos apostar em um que esteja mais em conta. Eu espero que não erremos, mas também que, se errar, não seja em um jogador de R$ 100 mil, R$ 150 mil”, encerrou o treinador rubro-negro.

Mateus Schuler* colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

Claudinei Oliveira definiu o time que enfrenta o Atlético/PR

0

Por Anderson Batista*

A tarde de treinamentos no CT serviu para ajustar detalhes para o jogo pelo Brasileirão, contra o Atlético/PR. Diferentemente de ontem, o técnico Claudinei Oliveira contou com todos os jogadores na movimentação. Com isso, o treinador definiu a equipe titular com modificações por causa dos atletas suspensos e entregues ao DM do clube.

O treino foi dividido em duas partes, e a parcela inicial das atividades foi direcionada para confirmação dos onze titulares em um “coletivo”. As novidades ficaram por conta das laterais devido às improvisações. Time foi formatado com: Magrão; Deivid, Ronaldo Alves, Ernando e Raul Prata; Anselmo, Fellipe Bastos, Marlone, Gabriel e Rogério; Rafael Marques: equipe montada com Deivid na direita e, na esquerda, Raul Prata. Ernando volta ao miolo de defesa na vaga de Durval.

Boa Notícia

A boa notícia foi o início da transição do lateral direito Cláudio Winck. Visto dando voltas no gramado. A expectativa é que o seu retorno esteja perto. Na segunda parte dos trabalhos vespertinos, foi visto um tradicional “rachão” em dimensões reduzidas. E foi com muita descontração que a preparação rubro-negra foi encerrada. Atletas já entram em regime de concentração para a partida de amanhã.

Sport e Atlético/PR jogam às 21h na Ilha do Retiro, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro. Leão tem quinze pontos e ocupa a sexta colocação na classificação. Igor Junio Benevenuto de Oliveira (CBF-MG) apita a partida, com o auxílio de Felipe Alan Costa de Oliveira (CBF-MG) e Ricardo Junio de Souza (CBF-MG).

Anderson Batista é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

[Adversário] Furacão realizou seu último treino em solo pernambucano

0

Por Anderson Batista*

Ontem, por volta das 22h, a delegação atleticana desembarcou na capital pernambucana. Hoje, pela manhã, no CT Wilson Campos (CT do Náutico), os paranaenses fizeram seu último trabalho antes da partida de amanhã diante do Sport. Na última rodada a equipe de Fernando Diniz foi derrotada pelo América/MG por 3×1 e  aproximou-se ainda mais da zona de rebaixamento da Série A.

A atividade desta manhã serviu para algumas definições no time principal. Recuperado de conjuntivite, o goleiro Santos está de volta ao gol do rubro-negro paranaense. Os volantes Matheus Rosseto e Pavez não participaram da movimentação por conta de lesões. Caso não tenha condições de jogo, Raphael Veiga deve ser o substituto do primeiro. O último, está vetado. Há mais tempo no DM, o lateral direito Jonathan e o zagueiro Paulo André também estão fora de combate.

Confira a lista de relacionados do Atlético/PR

Goleiros: Santos, Felipe Alves e Lucas Macanhan

Laterais: Carleto e Renan Lodi

Zagueiros: Thiago Heleno, Zé Ivaldo, Wanderson, Léo Pereira e Eder

Volantes: Lucho González, Camacho e Bruno Guimarães

Meias: Guilherme, Nikão e Raphael Veiga

Atacantes: Pablo, Bergson, Bill, Marcinho e Ederson

O treinador do Atlético/PR deve escalar o time com: Santos; Zé Ivaldo, Thiago Heleno e Wanderson; Raphael Veiga, Lucho González, Camacho e Thiago Carleto; Guilherme, Nikão e Pablo. Sport e Atlético/PR duelam às 21h na Ilha do Retiro, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Anderson Batista é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

Sport tem três jogadores pendurados contra Atlético/PR

0

Magrão é um dos pendurados no Leão contra o Atlético-PR (Foto: Anderson Freire/Sport)

 

Por Mateus Schuler*

 

Mesmo com apenas o lateral-direito Cláudio Winck e esquerdo Sander de baixas, o Sport ainda não está definido. O time faz o último treino na tarde desta terça-feira (5) visando confirmar os 11, ainda que tenha jogadores pendurados.

Ausente contra o Internacional por cláusula contratual, o volante Anselmo volta a ficar à disposição, porém recebeu dois amarelos na competição. Caso receba o terceiro, não vai enfrentar o Vasco.

Anselmo, que volta ao time nesta quarta-feira, está pendurado com cartões. (Foto: Williams Aguiar/Sport)

Além dele, outros dois atletas rubro-negros têm de ligar o alerta diante do Atlético-PR na noite dessa quarta-feira (6). São eles o goleiro Magrão, advertido na vitória sobre o Atlético-MG e no empate com o Colorado.


(Foto: Williams Aguiar/Sport)

Já Raul Prata, expulso no importante triunfo ante o Palmeiras, com dois amarelos, voltou a ser amarelado na última partida. Como um cartão – do jogo com o Verdão – foi anulado, Raul é mais um dos pendurados.

Mateus Schuler colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

Sport segue na ponta do “seu Brasileirão”

0

Na contramão de muitas informações, grupo rubro-negro tem mostrado força. (Foto Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

 

Por Anderson Batista*

 

O Leão permanece muito bem no seu “campeonato à parte” que disputa dentro do Brasileirão 2018. Enquanto os seus “concorrentes” oscilam e não pontuam com frequência, pela quarta rodada consecutiva, o Sport soma e permanece no pelotão de cima do certame. Em menos de dez rodadas disputadas, o rubro-negro possui 1/3 dos pontos que almeja para o “fico” na elite do futebol nacional.

Nesta questão em tela, a rodada anterior, somada a pífia campanha do rubro-negro paranaense, pôs o Atlético/PR na disputa à parte. Acumulando maus resultados em sequência, o Furacão foi inserido no contexto da competição contra a degola e será o próximo adversário do Leão. O último final de semana teve placares de todos os tipos para as equipes do Brasileirão leonino: dois concorrentes venceram, dois empataram longe de casa e cinco foram derrotados, incluindo o recém-chegado Furacão.

Destacando-se neste contexto, Sport e Chapecoense conseguiram pontos importantes longe de seus domínios: contra Internacional e Atlético/MG, respectivamente. Para o Leão, um ponto foi bem-vindo demais neste atual momento no Sul do país. Já o América/MG e o Paraná fizeram o dever de casa e garantiram três pontos fundamentais no páreo. Os outros, Vitória, Atlético/PR, Bahia, Vasco e Ceará foram derrotados. No caso dos três últimos, o placar negativo foi ainda mais doloroso pelo fato de atuarem como mandantes.

Confrontos diretos marcarão a rodada do meio de semana desta disputa.  Ao todo, três partidas serão entre clubes que estão neste torneio. A exceção ficará por conta dos vascaínos, cearenses e americanos, que não encaram duelantes diretos. No entanto, terão Cruzeiro, Botafogo e Atlético/MG na ordem. Partidas duras na jornada de meio de semana.

Próximos jogos

06/06 – Vitória x Chapecoense – 19h30 – Barradão

06/06 – Botafogo x Ceará – 19h30 – Nilton Santos

06/06 – Sport x Atlético/PR – 21h – Ilha do Retiro

06/06 – Cruzeiro x Vasco – 21h45 – Mineirão

07/06 – Paraná x Bahia – 20h – Durival Britto

07/06 – América/MG x Atlético/MG – 21h – Independência

Classificação

1º Sport 15 pts

2º América/MG 13 pts

3º Vasco 11 pts

4º Chapecoense 10 pts

5º Atlético/PR 9 pts

6º Vitória 8 pts

7º Bahia 8 pts

8º Paraná 6 pts

9º Ceará 3 pts

Anderson Batista é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

[Reapresentação] Leão voltou ao batente para o jogo de quarta-feira

0

Por Anderson Batista*

Após o empate no Sul do país, os jogadores do Sport Club do Recife retornaram às atividades na tarde desta segunda-feira, no CT do clube, em Paulista. Os titulares ficaram na academia realizando o tradicional trabalho regenerativo. No gramado, somente os reservas e não relacionados do jogo do último sábado.

Para o duelo de quarta-feira, na Ilha, o técnico Claudinei Oliveira conta com a volta dos atletas pertencentes ao adversário passado. Na prática, dois nomes retornam à titularidade: Ernando e Anselmo. Consequentemente, Durval e Deivid de forma respectiva, serão opções no banco de reservas. O zagueiro Léo Ortiz ficará na mesma situação assim como o meia Andrigo. Com lesão na coxa, Cláudio Winck segue em tratamento e não estará apto para a partida: é um problema que o treinador rubro-negro terá que administrar.

Com Sander suspenso, e Winck machucado, Claudinei deverá optar pela improvisação nos lados do campo. Para isso, são inúmeras hipóteses especuladas na formação. Raul Prata, Fabrício e Deivid são as peças que o comandante leonino deve utilizar para preenchimento das lacunas observadas.

Amanhã, o Leão faz seu último treinamento antes do confronto diante do Atlético/PR. Sport e Atlético/PR duelam às 21h, na Ilha do Retiro. O time pernambucano tem 15 pontos e ocupa a sexta colocação até o momento. Uma vitória pode perdurar o rubro-negro entre os primeiros colocados do Brasileirão.

Anderson Batista é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

[Cordel] “Eu quero ver a Ilha lotada”

0

Por Fábio Brito*

Não quero ver desculpas farrapadas
Porque a rua estará engarrafada
Ou porque quando o jogo acabar será de madrugada
Na quarta eu quero ver a Ilha lotada

Não tem desculpa para não comparecer
Ir para a Ilha e pelo o Sport torcer
Ver a entrega e a raça dessa rapaziada
Na quarta eu quero ver a Ilha lotada

Os cornetas  desapareceram
Os gritos do fora Arnaldo se calaram
A crise está estabilizada
Na quarta eu quero ver a Ilha lotada

Fábio Brito* é rubro-negro e mora em Brasília/DF.

Sport demonstra consistência defensiva mesmo sem Ernando e Anselmo

0

Claudinei Oliveira passou confiança ao grupo rubro-negro. (Foto: Williams Aguiar/Sport)

 

Por Mateus Schuler*

 

Apesar do curto intervalo de preparação para encarar o Internacional, realizando apenas um treino, o Sport manteve a série invicta. Nesse sábado (2) à tarde, em Porto Alegre, o Leão arrancou um importante empate sem gols no Beira-Rio.

No jogo, Claudinei Oliveira teve cinco baixas e ainda assim foi bem, já que chegou ao quarto duelo sem perder. O time não contou com o zagueiro Ernando e volante Anselmo, pois têm os direitos federativos pertencentes à equipe gaúcha, dentre os que vinham atuando entre os 11.

Na zaga, o comandante promoveu entrada de Durval, que voltou a atuar como titular depois de quatro meses. Já no meio-campo, o lugar na cabeça de área foi ocupado por Deivid no intuito de manter o 4-2-3-1 utilizado contra o Atlético-MG, quando venceu de virada por 3 a 2 na Ilha.

Durval Mostrou superação no setor defensivo. (Foto: Williams Aguiar/Sport)

A estratégia surtiu efeito, uma vez que Sander e Fellipe Bastos neutralizaram as jogadas de maior intensidade do Colorado. Os substitutos mostraram segurança e entrosamento, ainda que não tivessem o mesmo ritmo dos demais companheiros.

“Esperávamos um jogo difícil, já que o Internacional tem qualidade técnica e um jogo muito físico. São jogadores rápidos no ataque e com muita intensidade, como Patrick e Edenílson, ocupando bem seus espaços e causando dificuldades. Demoramos a encaixar a marcação, mas conseguimos corrigir dando mais pressão a eles no segundo tempo”, declarou Claudinei.

Os rubro-negros ficam, provisoriamente, na 4ª posição com 15 pontos e voltam a campo pela 10ª rodada já nessa quarta-feira (6). A partida é na Ilha do Retiro, com o Atlético-PR, às 21h e os leoninos vão ter retornos, mudando mais uma vez o esquema tático.

Mateus Schuler* colaborou com o site Eu Pratico Sport.

Apesar de pouco tempo, Claudinei define Sport para enfrentar Internacional

0

Deivid ganha chance de estrear como titular no Leão (Foto: Williams Aguiar/Sport)

Por Mateus Schuler*

O curto intervalo de preparação para enfrentar o Internacional, após vitória sensacional sobre o Atlético-MG, fez que o Sport tivesse apenas um treino. Na tarde desta sexta-feira (1°), em Porto Alegre, o time realizou a única atividade buscando definição dos 11.

Para a partida, Claudinei Oliveira vai ter cinco desfalques certos por força contratual. O Leão não pode contar com os zagueiros Ernando e Léo Ortiz, lateral-direito Cláudio Winck, volante Anselmo e meia Andrigo, pertencentes ao Colorado. Na vaga de Ernando, o comandante promove a entrada de Durval, que volta a ser titular. O defensor atuou em 11 oportunidades ao lado de Ronaldo Alves na temporada passada, que o credencia para reeditar a dupla.

Já no meio-campo, a única interrogação nos rubro-negros. Neto Moura, baixa contra o Galo por lesão no pé, retorna ao time e é opção ao treinador. No entanto, Deivid foi escolhido e a tática mantida: Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Durval e Sander; Deivid e Fellipe Bastos; Rogério, Gabriel e Marlone; Rafael Marques.

Mateus Schuler* colaborou com o site Eu Pratico Sport.

Últimas