COMPARTILHAR

(Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Por Anderson Batista*

O tricolor gaúcho já está em solo pernambucano para o último compromisso antes da parada da Copa do Mundo. Depois da vitória contra o América/MG, o Grêmio chegou entre os primeiros colocados do campeonato brasileiro. No entanto, Renato Gaúcho tem problemas para a montagem do time principal. E não é apenas para esse jogo, o time de Porto Alegre vem de dez partidas em sequência com formações diferentes em campo.

As broncas com o elenco vêm acontecendo por causa da disputa três competições simultaneamente: Copa do Brasil, Taça Libertadores e Campeonato Brasileiro. Mesmo com um elenco recheado de boas opções, a repetição de times titulares é inviável por inúmeros fatores: grau de importância em determinados jogos, sequência de partidas entre meios e fins de semana e a convocação para amistosos de seleções. A parada do Mundial será importantíssima para o Grêmio.

Um time de desfalques

Amanhã, onze atletas não enfrentam o Leão na Ilha. São eles: Pedro Geromel (seleção brasileira), Kannemann (desgaste muscular), Marcelo Oliveira (lesão muscular), Maicon (problema na panturrilha), Michel (lesão na coxa direita), Jaílson (acertando com o Santos), Luan (preservado), Alisson (lesão na coxa esquerda), Maicosuel (amigdalite), Everton (suspenso) e Hernane (pancada sofrida nos treinos). Ainda há uma dúvida sobre a condição física do volante Ramiro.

Embora o esfacelamento, o provável Grêmio deve ser montado com: Marcelo Grohe; Léo Moura, Paulo Miranda, Bressan e Bruno Cortêz; Cícero, Arthur, Lima, Thonny Anderson e Thaciano; André. Sport e Grêmio duelam às 19h30, pela décima segunda rodada do Brasileirão. Ricardo Marques Ribeiro (FIFA-MG) apita o jogo; Guilherme Dias Camilo (FIFA-MG) e Sidmar dos Santos Meurer (CBF-MG) são os assistentes.

Anderson Batista* é radialista e colaborou com o site Eu Pratico Sport. 

Pratique Sport com a gente!