[Coletiva] João Igor: “O que vai resolver é o trabalho”