COMPARTILHAR

Guto Ferreira tem Guilherme como o “termômetro” do time. (Foto: Anderson Stevens/Sport).

 

Com outros dois jogos de interesse na rodada, o Leão tem pela frente uma de suas maiores decisões na temporada 

 

Lucas Araújo, Recife/PE

 

O Sport vem de uma derrota indigesta diante do Guarani, em Campinas, com um gol sofrido nos acréscimos do segundo tempo que veio a castigar uma atuação apática e acomodada da equipe leonina. No entanto, os demais resultados da 31ª rodada fizeram com que o impacto do revés não fosse tão grande como poderia ter sido. Se por um lado o Coritiba venceu seu jogo, por outro, Atlético e América apenas empataram seus jogos e o Leão manteve uma folga considerável dentro do G4.

Para que a tranquilidade continue a fazer parte da situação rubro-negra, o time comandado por Guto Ferreira terá a dura missão de conseguir um bom resultado no confronto direto frente ao Coritiba, no Couto Pereira, às 20h desta segunda-feira (04). E além do embate entre paranaenses e pernambucanos, é importante manter o secador ligado nos demais concorrentes.

Atlético-GO x Londrina – Terça-feira, 19:15

Depois de passar boa parte da competição na vice-liderança e outro período como terceiro colocado de forma isolada, o Dragão, que não vence há sete jogos, agora ocupa a quarta posição e está seis pontos atrás do Sport. Ainda que numa situação de pressão, os goianos entram em campo com total favoritismo contra o Londrina, mas um tropeço deles seria muito importante para as pretensões leoninas.

Além de possibilitar um afastamento ainda maior em relação aos rubro-negros de Goiás na tabela, a crise do adversário direto ficaria escancarada, com a somatória da sequência de partidas sem vitória e um novo tropeço diante de um time que briga para não cair. Na rodada seguinte, o Atlético enfrenta o CRB em Maceió, enquanto o Sport pega o Criciúma na Ilha. Caso o concorrente tropece e o Leão aproveite a sequência, pode se colocar como praticamente inalcançável para os atleticanos.

América-MG x Paraná – Terça-feira, 20:30

Após empatar contra a Ponte Preta dentro de casa, o América reduziu sua distância para o Sport de oito para sete pontos, quando eram vistos como favoritos para reduzir para cinco pontos. Porém, o Coelho terá uma nova chance dentro de seus domínios, novamente contra uma equipe da parte de cima da tabela, o sétimo colocado Paraná. O Tricolor da Vila está perto do G4, mas há nove pontos do Rubro-negro, não figurando como uma ameaça para os pernambucanos no momento.

Por isso, seria muito bom um triunfo paranista dentro do Independência. Com isso, a distância para os mineiros continuaria grande e poderia aumentar para até dez pontos em caso de vitória leonina no Couto Pereira. E um empate seria excelente, visto que além de segurar o América, viria a atrapalhar qualquer tipo de aproximação do Paraná a longo prazo.

Pratique Sport com a gente!