[Mistério] Sport encerra preparação para enfrentar Brusque com duas dúvidas

Sander fica à disposição após ser expulso diante do Imperatriz (Foto: Anderson Stevens/Sport).

 

Por Mateus Schuler

 

Dando continuidade à maratona de jogos em fevereiro, o Sport agora gira a chave para a Copa do Brasil. Na tarde desta terça-feira (11), já em Brusque, o Leão fez o último treino para enfrentar os catarinenses pela 1ª fase da competição nacional, valendo premiação de R$ 1,1 mi e disputada em partida única, de portões fechados à imprensa, o que gerou dúvidas na confirmação do time.

As únicas certezas para o técnico Guto Ferreira, porém, são as baixas dos volantes Marcão e Betinho, ambos lesionados. Por outro lado, os rubro-negros contarão com os retornos do zagueiro Cleberson e meia Lucas Mugni, que ficaram ausentes por lesão muscular e nascimento do filho, respectivamente.

Por conta da cota milionária em caso da classificação, o treinador dos leoninos optou por fazer mistério para definir os titulares. A base que vinha atuando na Copa do Nordeste, entretanto, é esperada para ser mantida, pois foram acionados os jogadores de mais destaque para a temporada, bem como os principais reforços.

Na zaga, Rafael Thyere pode ganhar a vaga se Cleberson não estiver 100%, junto a Adryelson, enquanto Marquinhos pode ser utilizado no ataque no lugar de Ewandro. Por isso, o Leão deverá ir a campo com: Luan Polli; Raul Prata, Cleberson (Rafael Thyere), Adryelson e Sander; Willian Farias, João Igor e Lucas Mugni; Ewandro (Marquinhos), Elton e Leandro Barcia.