COMPARTILHAR

 Uma das vitórias do Leão fora de casa foi sobre o América-MG (Foto: Mourão Panda/América-MG)

Por Mateus Schuler

Apesar de estar na briga por vaga no G-4 a cada rodada, o Sport tem uma motivação extra. Mesmo sofrendo as duas únicas derrotas longe de casa, o Leão vem com uma campanha bastante positiva, ficando com o aproveitamento – até o momento – superior aos dos últimos acessos à elite. Foram, além dos resultados negativos, três vitórias e cinco empates, totalizando assim 46,7% da pontuação.

Em 2006, quando subiu como vice-campeão do Atlético-MG, o rubro-negro concluiu a Segundona com cinco triunfos, sete igualdades e outros sete revezes. O desempenho gerou 38,6% dos pontos como visitante, mesma marca de 2013, que teve comemoração fora da Ilha em sete oportunidades, um empate e 11 fracassos.

Já em 2011, quando a classificação à Série A veio de maneira mais dramática e na última rodada, os leoninos tiveram o pior retrospecto. Foram quatro vitórias, sete empates e oito derrotas, acumulando total de 33,3%, sendo a 7ª pior equipe nesse quesito, ficando à frente de Paraná, Goiás, Criciúma e ASA, que ficaram no meio da tabela, e dos rebaixados Salgueiro, Vila Nova e Duque de Caxias.

O clube da Praça da Bandeira tem seu próximo compromisso neste domingo (15), às 16h, diante do Figueirense no Orlando Scarpelli, em Florianópolis. Além dele, ainda visitará Londrina, Vitória, CRB, Brasil, Guarani, Coritiba, Botafogo-SP e Atlético-GO, nessa ordem, em jogos pela competição nacional.

Pratique Sport com a gente!