[Série B] Sport enfrenta Atlético-GO para fechar temporada 2019

Marquinho deverá ser uma das novidades entre os titulares no Leão (Foto: Anderson Stevens/Sport).

 

Por Mateus Schuler

 

Após conquistar o retorno à elite, principal meta da temporada, o Sport fecha o ano na tarde deste sábado (30). O Leão vai a campo diante do Atlético-GO, postulante ao acesso, pela 38ª e última rodada da Série B às 16h30 no estádio Antônio Accioly, em Goiânia. Os leoninos cumprirão tabela, enquanto os atleticanos tentam uma das últimas duas vagas na Série A em 2020.

Os pernambucanos chegam sem pretensões, mas motivados a encerrar 2019 com chave de ouro, já que chegam de vitória por 2 a 1 diante da Ponte Preta, resultado que os deixou assegurados na vice-liderança com 67 pontos. Os goianos, por outro lado, estão vindo de empate em 2 a 2 contra o Brasil-RS fora de casa e caíram para a 5ª posição, com 61 pontos ganhos.

Leão com mudanças forçadas nos titulares

Mesmo cumprindo tabela, o Leão vai a campo com o melhor que tem à disposição. Para a partida, o técnico Guto Ferreira não contará com o zagueiro Adryelson e o meia Pedro Carmona, já que foram vetados pelo departamento médico e sequer viajaram com o elenco a Goiânia, sendo duas das ausências certas.

O defensor tem uma pubalgia e Éder é esperado para seu lugar, já o meio-campista era reserva de Leandrinho. Leandrinho não viajou por problemas particulares e Marquinho e Léo Artur disputam o espaço na armação. Yan, que voltou a treinar normalmente na quarta-feira (27), deve ser acionado no lugar de Hyuri, enquanto Marcinho é o provável substituto de Guilherme, com os titulares cumprindo suspensão.

Como já vem fazendo nas vésperas das partidas, Guto decidiu não revelar a equipe e manteve o mistério, ainda que o confronto contra o Dragão não interfira em nada na vida do Leão. Apesar de não haver definição, os leoninos devem ser escalados com: Luan Polli; Norberto, Rafael Thyere, Éder e Sander; Willian Farias e Charles; Marquinho (Léo Artur); Yan, Elton e Marcinho.

Dragão tem força máxima para conquistar acesso

Se o Sport conquistou o acesso antecipado e, além disso, confirmou a vice-liderança, o Atlético tenta garantir uma das quatro vagas do G-4. Para isso, precisa não apenas vencer, mas também torce por tropeços de Coritiba e/ou América-MG, que medirão forças com Vitória e São Bento fora e dentro de casa, respectivamente, resultados que ajudam a figurar na elite em 2020.

Para o confronto diante do Leão, o Dragão contará com força máxima e uma mudança em relação ao time que empatou com o Brasil-RS na última rodada. Volante Moacir, com passagem pelos leoninos, cumpriu suspensão frente ao Xavante e recupera o espaço ocupado por Pedro Bambu na cabeça de área: Kozlinski; Jonathan, Oliveira, Gilvan e Nicolas; Nathan e Moacir; Jorginho; Mike, Pedro Raul e Aylon.

De olho no apito

A arbitragem da partida será formada por um trio paulista do quadro da Fifa. No apito, Raphael Claus, com Danilo Ricardo Simon Manis e Alex Ang Ribeiro como auxiliares. Essa será o segundo compromisso do árbitro do escalão internacional na Segundona, o primeiro com um dos clubes.